quarta-feira, 27 de outubro de 2010

3º Carta ao meu avô

Olá avô,

Passou 1mês não é verdade?! Dá-me um sinal que me vês, diz-me se amanhã quando eu apagar as velas que vais estar comigo? Diz-me só se estás comigo e tudo o que eu digo à noite não é só para reconfortar o meu coração, sim porque ele não encontra conforto, está num desassossego. Ultimamente vejo-me obrigada a pensar somente com a cabeça , porque sempre que dou ouvidos ao meu coração cai a lágrima de não estares aqui, ainda não chorei tudo, deve de ser da força que faço para não chorar quando escrevo para ti, as lágrimas que guardo todas as noites. Já fez um mês e eu só quero pensar que ainda vais voltar para casa, sempre que vou para a escola passo pela tua casa olho para a janela para ver se ainda lá estás, para ver se te vejo a passar entretido como sempre estavas, mas até hoje ainda não te vi, e ainda não fui capaz de ir ao cemitério porque quero pensar que isto foi um pesadelo. Desculpa avô! 
A avó está a morrer de saudades tuas, estamos todos, o meu irmão já olha para o céu e diz que és tu que estás lá, o pai? O pai é o mais forte, o pai está a tomar conta da tua/nossa família não te preocupes, estamos bem como estamos mal, estamos aqui à tua espera. 
Hoje não me apetece ir aos treinos de volei, nem ao ballet, hoje queria adormecer e acordar ao teu lado e falar pelo menos 2 minutos contigo, hoje queria ver-te nem que fosse em sonhos, mesmo que acordasse a chorar eu só te queria ver! 
Beijinhos avô de todos nós, mas dá-me um sinal de que me estás a ver. Espero por ti amanhã, aliás todos os dias!

Edit: bem com isto tudo vi que tinha comido letras em algumas palavras ou acrescentei , peço desculpa mas hoje a minha cabeça não dá para muito 

34 comentários:

Miguel disse...

Obrigado pela opinião :) Talvez no fim de semana o crie ^^
A carta para o teu avô está linda :)

ana moura disse...

meteste-me a chorar. sinto a mesma coisa, mas já espero por ela á seis anos, e ainda não desisti de a voltar a ver.
força, muita força, bem que precisas* <3

Silvia Santiago. disse...

adoreii! *.*, meteste-me a chorarr, está mesmo lindo!
forçaaa minha querida, (:

Al. disse...

A carta está linda. Tão linda. Sempre sincera. A lágrima que te caiu a escrever, foi a mesma que me caiu a ler, não com o mesmo sentimento mas pelo mesmo meio. O Teu avô olha por Ti todos os dias, Tú de certeza é que ainda não deves ter reparado. Basta acreditar.

Joann disse...

eu não posso com a minha stora, x)

béc's disse...

estou toda arrepiada, está incrivel.
queria escrever-te qualquer coisa que te ajudasse, mas depois de ler isto, estou sem palavras. há 4 anos, eu tinha 11 anos, o meu avô, estava internado no hospital, eu ia para a escola e o telefone tocou, eu fui atender e mandaram-me chamar a minha avó. era do hospital, o meu avô tinha acabado de falecer, e a minha avó estava tão devastada que desatou a chorar nos meus braços. foi dos piores momentos que vivi até hoje.
desculpa o desabafo, mas este teu post deixou-me incrédula <3

Silvia Santiago. disse...

de nada minha querida, sempre aqui *.*

YasmimGomes disse...

q fofinha, obrigada (L)

filipa disse...

gosto tanto do teu blog

béc's disse...

é mesmo difícil :\

filipa disse...

eu gosto muito (:

Joann disse...

sorte a tua, acredita !

ana moura disse...

não tens que pedir desculpa, eu entendo.
oh, obrigada fofinha, e o teu avô também tem muito orgulho na neta que tem, sem dúvida!

ρικιzιинα αиɢєℓ disse...

Fiquei com as lágrimas nos olhos.m
É tocante, marcante quando deixamos o coração se abrir assim desse jeito e as palavras serem rios de sentimentos.
Força sim?
O tempo te irá ajudar.
Beijo

Catarina Bessa disse...

Esta lindo meu bem !

Angel´s disse...

oooh meu bemmm! =( possa isso doi muito! e eu nem tenho estado aqui ao pé de ti!! =( muita força e recorda me esses momentos fantasticos que passas-te com ele! sim?

um dia todos nos encontramos la em cima.. para uma grande festa! é o que eu digo a minha maninha! =) quando ela pergunta do avô!

um beijinho muito grandeee

ana neves disse...

pelo cabelo parecias! :D

rita disse...

mas é muito complicado fofinha.
óh, como te compreendo, espero o mesmo dos meus dois avôs :$
escreves muito bem

GF disse...

Obrigadda querida!

Stéffani Rocco disse...

A espera incansavel né, eu nunca conheci nenhum avô meu mais espero um dia vê-lo em algum lugar do universo.
Me emocionei com o texto.

Beijos, Linda!

Joo disse...

Amor é dificil o tempo que está a passar agora mas vais ver que ele está contigo, sempre esteve e sempre estará (L)

béc's disse...

é mesmo isso querida <3

Filipa disse...

Gostei tantoo :$

**

Bárbara Silva disse...

- waw Cátia *.*

Sara disse...

Querida, está linda a carta *.* *

Isabel disse...

Está lindo, lindo Cátia (':
Muita força *

ana moura disse...

parabéns pelos 18 querida :D

Silvia Santiago. disse...

MUITOS PARABENS MINHA QUERIDA, (acho q foi a primeira). :b
beijinhos, e que sejas sempre feliz.
kiss*

Sandro Honorato disse...

Belo post ein.
Lembrei do meu avô,to com saudades dele :S
Meus parabens.Feliz aniversario
Tudo de bom

Bjos

Cárina Silva disse...

Muitos parabéns :)

Daniela Tavares disse...

Está lindo. :|

Lígia * disse...

Está um texto fantástico comovente...

... Mas apesar das adversidades da vida hoje é um dia muito feliz, pelo menos "deveria" ser :D

Parabéns querida :D ******

Joanna disse...

Está lindo amor!
Sei bem o que sentes todas as noites, quando falas para ele e não sabes bem o porquê de o estares a fazer. É simples, nós temos a necessidade de os manter vivos juntos de nós, apesar de acreditarmos que eles estão connosco, todos os dias, a todas as horas.

Força, Amo-te

MC disse...

Olá! Vim "aqui parar" por acaso... se é que isso existe... O meu partiu há 8 meses... e ainda me sinto assim... aí à coisa de 1 mês fiz-lhe o mesmo pedido...e ele acedeu! :) por isso não desistas... mantém-te atenta... os sinais aparecem... beijinhos